Liberte-se da Ansiedade

Como manter sua mente saudável no mundo atual.

Aceitação de Si – Uma aprendizagem consciente.

 

A ansiedade é a sensação proveniente de preocupações, apreensões e tensões, vivenciadas como antecipação de problemas, ou gerada por grandes expectativas. Quando experimentada em momentos estressantes, em situações desafiadoras ou decisórias, é considerada dentro de um parâmetro normal.

Porém, passa a ser considerada um transtorno quando experimentada de forma exagerada, relacionada a preocupações excessivas e sem compasso com a realidade consensual, ou seja, com melhor desenvoltura.

Tal transtorno costuma ter caráter duradouro e crônico, podendo permanecer por anos, com períodos de melhora.

Nestes casos o tratamento pode requerer interferência medica além da psicoterapia.

A linha divisória entre os tipos de ansiedade é tênue e neste caso, estaremos enfocando o tipo considerado dentro da “normalidade”, o que não anula de forma alguma a utilidade deste livro em ambos os casos.

Muitas vezes a ansiedade é gerada pelo medo, por estados de expectativa, tanto por causa de algo negativo ou de fuga, ou por causa de algo positivo desejado com intensidade.

Por algo negativo, podemos citar o exemplo de uma pessoa com medo de algo perigoso que está prestes ou possível de acontecer. Imagina um ladrão em seu esconderijo sabendo que a polícia está por perto e armada. Ou ainda, pessoa que se preocupam com suas economias, com medo do futuro.

Por algo positivo, podemos dar como exemplo alguém que está contando os minutos para um tão sonhado encontro amoroso.

A ansiedade está diretamente ligada ao anseio. A pessoa anseia pelo próximo momento. Ela não que ficar no presente. Quer logo se direcionar para o futuro.

Ao querer encontrar a pessoa amada ou estrear um carro novo, quer logo que este momento aconteça. Se fosse possível, pularia por cima do tempo.

Se alguém tem muito medo de avião e está em pleno vôo, quer logo que a viagem termine logo.

Tudo isso gera um impasse, pois por um lado a pessoa quer se direcionar ao futuro, libertando-se do anseio, através da fuga do negativo ou do direcionamento ao positivo. Mas por outro, ela está no inevitável presente, antes do tão temido ou esperado momento.

Imagine uma gazela que enquanto se alimenta, percebe o cheiro de uma onça. Claro que ela sente medo, mas o cheiro passa e ela retorna sua atenção à pastagem. Mas alguns instantes depois, o cheiro volta mais forte e pela sua sensibilidade, o pequeno animal percebe que o perigo está realmente por perto.

Daí ela começa a correr e de repente é pega por uma armadilha. E presa tenta sair, mas não consegue. Ela que se livrar. Quer se seguir em frente, para o futuro. Mas ainda está ali, presa no momento presente, querendo fugir do perigo que lhe ameaça.

Vamos torcer para que a onça tenha se distraído com alguma coisa e que alguém salvou a gazela, mas este é um exemplo que retrata um forte grau de ansiedade, medo e angústia.

Nem sempre é tão fácil libertar-se da ansiedade e viver em paz e serenidade.

É preciso estar no presente, em si e consigo. E isso nem sempre é fácil e desejado em todos os momentos, por que estar no presente nem sempre significa somente momentos e sentimentos agradáveis. Implica em vivenciar as coisas, reconhecendo a vida como um movimento, com transformações e mudanças que naturalmente envolvem riscos, o que muitos temem.

Muitos evitam o contato intimo com sua realidade, principalmente quando têm em sua história sofrimentos e sentimentos fortes ligados a traumas ou situações do passado não resolvidas, como carências, frustrações, angústias, medos, etc.

Outra questão é que muitas pessoas são viciadas em ansiedade. Ritmo acelerado e adrenalina, e ao desacelerar ou parar sentem-se entediadas ou até mais ansiosas ainda, voltando ao nível de inquietude que já faz parte da rotina e buscando novos movimentos e anseios, ocupando o intelecto, fazendo algo que ocupe a mente e necessite de ação ao mesmo tempo.

Muitos ansiosos contaminam os ambientes apressando a todos e outros demonstram sua inquietude através da fala. Estes são os que falam pelos cotovelos e geralmente são péssimos ouvintes.

Quando uma pessoa quer deixar de ser ansiosa, mas ainda não consegue, certamente estará gerando mais conflito.

É importante compreender os motivos e causas da ansiedade, além de valorizar a importância da paz e da serenidade.

Aceitação de Si – Uma aprendizagem consciente.

Muitas vezes, antes de mudarmos algo em nossas vidas é necessário aceitarmos a condição atual, pois um lado emocional, e muitas vezes instintivo quer ser de um jeito, e o outro racionalmente, quer ser de outro. Desta forma o conflito gerado não traz os resultados desejados. É importante que ao objetivarmos alguma mudança, estudemos bem o lado antagônico à mesma, e através da compreensão e do bom senso, transformemos aquilo que nos impedia em um movimento favorável aos nossos objetivos.

Mas muitas são as possibilidades de reflexão a respeito do tema e certamente você encontrará direcionamentos, com os quais se identificará neste livro.

Compre agora

Compre o livro agora mesmo e receba o acesso em seu e-mail

R$23,90

E-BOOK

  • Download imediato

Compre a Coleção

Compre os 5 llivros da coleção e obtenha um super desconto.

R$59,90

E-BOOKS

  • Envio imediato

Copyrights © 2019 Mário Salomão. Todos os direitos Reservados
Desenvolvido por: OneCode

Botão Pagseguro